.


“Você é o que pensa. Você é o que procura. Você é o que faz”. Bob Richards

9 de dez de 2010

EXTREMOS

EXTREMOS


Autor: Humberto Rodrigues Neto

Os que nascem fadados a ser reis,
já têm por berço, da fortuna os louros.
Em pequenos, Luiz quinze e o dezesseis
iam dormir sobre autênticos tesouros!

Dormiu Augusto sobre iguais abrigos
de que Alexandre hauriria o esplendor.
E assim foi com os monarcas mais antigos,
de Ramsés a Nabucodonosor!

Talvez pensassem que a felicidade
trouxesse ao infante aquela aura inata
aos linhos, aos dosséis e à alacridade
dos brocados rendados a ouro e prata!

Mas o maior dos reis já conhecidos
fugiu das sedas que a vaidade doura,
e foi doar seus primordiais vagidos
ao capim seco de uma manjedoura!

É NATAL

É Natal

Autor: Eugénio de Sá

Pezitos morenos
Calções remendados
Bem pouco serenos
Uns olhos pequenos
De mágoas toldados

Nas ruas doiradas
Dezembro é andado
Há contos de fadas
Um mundo encantado
Só pr'alguns contado

A noite que chega
E com ela o frio
Comida fumega
Convite ao fastio
Num vão desafio

O menino sonha
Um sonho acordado
Carinha tristonha
Corpo acocorado
Repousa cansado

A cidade inteira
Veste-se de festa
Longe da soleira
Da porta modesta
Onde dorme o sonho
que a sorte detesta

VENHAM OUVIR * Juntem-se a nós

Com Participação Especial de Manuela Silva Neves, não deixe de escutar e repassar aos Amigos!

A 09/12 - 5ª.feira - o 1º Programa de uma série de três até ao Natal, todas as quartas-feiras, só com poesias de Natal de vários autores e músicas natalícias de vários estilos e épocas!

Radio - Raiz on Line

Teremos também:

- SURPRESAS! PASSATEMPOS! PRESENTES DE NATAL!

Esperamos por si, amanhã ás 23 horas de Portugal!

No Brasil, será ás 20 ou 21 horas consoante os Estados!
Na Europa das 24 ás 02h!

Beijos natalícios!

Arlete Piedade
http://www.raizonline.com/radio/

Natal no Jornal e Rádio Raizonline!


Já é Natal! O espírito natalício vai tomando conta de todos nós! É o frio a chegar, é a atmosfera de bulício e alegria latente, os atropelos, as correrias diárias, as festas dos miúdos, todo um clima de alegria e pressa que nos invade!

Os presentes para comprar, que iremos fazer para a ceia de Natal, que familiares teremos que convidar? Onde se reunir a familia? Tudo questões para resolver...mas e a principal? Com esta crise como gerir o dinheiro que cada vez é menos?

Não vou dizer que temos uma resposta, ou damos dinheiro aqui na Radio Raizonline! Mas damos uma ajuda á nossa maneira! Alegrando os seus dias com poesia e música, para que possa relaxar uns momentos escutando a nossa Radio!

Então o meu desafio e convite hoje é:

- Mande-nos um poema ou um conto de Natal!

Todos serão gravados com música natalicia e serão passados na nossa rádio, em horário que será comunicado posteriormente, para que você possa partilhar com os seus familiares e amigos, o seu talento, nesta quadra tão especial!

Posteriormente serão publicados no Jornal Raizonline, em Boletim Especial de Natal, em formado PDF, para que possam fazer o downolad e baixar para o vosso computador!

Mande para o meu email: arletepiedade@raizonline.org
 e de todos acusarei a recepção e será dado o maior carinho e atenção!

Espero por vocês e os vossos trabalhos de Natal!

Beijos ternurentos! Feliz Natal!!

Arlete Piedade
EMAIL: arletepiedade@raizonline.org



http://www.raizonline/

CULINÁRIA "DOCE"




PAPAROCA DOCE : AQUI

Boas Festas!


Boas Festas

BOAS FESTAS !

Boas Festas


Imagens e recados para Orkut é no Glimboo!

2 de dez de 2010

NATAL de ESPERANÇA

NATAL de ESPERANÇA


Lá fora é NATAL!
Mesclas de preconceitos
Muita intolerância indiferença
Geram sofrimento atroz.
Vidas de canseiras, doridas
entre milhões de outras
em esplendores, são vidas…


Dói irmão saber
que te revolves
Entre abrolhos e dores
Dando asas à ilusão
que o mundo vende.
Usufruíste da falsidade
e gritos pungentes
fazem-te tremer.

Mas é NATAL!
Cristo fala aos corações cansados
E planta ESPERANÇA,
Socorro, amparo, carinho
No intimo do teu ser.

Recebe irmão o AMOR
Que Ele te quer dar.
Faz a tua revolução
Inverte a marcha
É preciso serenar.

Ele abre sempre os Seus braços
Acolhe-te tal e qual,
Quer na manjedoura ou na cruz
Seu abraço é p’ra nós
O momento principal.

FELIZ NATAL!
NATAL de ESPERANÇA

Manuela Silva Neves
02.12.2010
Paço de Arcos
Portugal