.


“Você é o que pensa. Você é o que procura. Você é o que faz”. Bob Richards

5 de set de 2009

CANCRO do Colo do Útero

(TODA A INFORMAÇÃO)

em: CAFÉ DA MANHÃ


Queridos amigos(as),

Desde 18 de Julho que ando a corre e vou continuar.
Infelizmente chegou a minha vez de provar este fel que me surgiu
sem aviso, de repente e com hemorragias enormes, tendo 63 anos,
corri para as Urgências de vários Hospitais:

- CUF Descobertas - Urgência de Obstetricia
Diagnostico vá a 1 consulta e mesmo que a mandem parar e digam que
não é nada não ligue "CORRA SEMPRE", pode ser que ainda vá a tempo.

Grande médico este, embora contratado como tarefeiro nas urgências
do dito Hospital alertou-me e de facto tinha razão.



Depois a ida à consulta, o médico ía de férias, desvalorizou
e mandou-me fazer um check-up.


Como a hemorragia não parasse fui às Urgências de outro Hospital:

- Hospital da Luz - Urgência de Obstetrícia
Médica marcou logo uma Biópsia que fiz no próprio dia,
foi para análise e aí parei 1 semana à espera do resultado.

- Hospital da Luz - Urgência de Obstetrícia (1 semana depois)
Como não me diziam nada e continuava com "perdas" menos agressivas
mas visíveis, voltei HL, falei com médica que me entregou o resultado
da Biópsia e disse que não era nada urgente pois Biópsia tinha
resultado de benigno.
Mandou-me embora.

Como o médico do HCD me tinha mandado fazer vários exames para
o tal check up, na véspera eu tinha feito na CUF Alvalade uma
Eco-Vaginal e a médica voltou a alertar-me para não parar que
era conselhável fazer limpeza total do orgão em causa,
para tentar erradicar e analisar a extensão das lesões que
as havia segundo ela, e era verdade.

Corri para outro Hospital:

- CUF Infante Santo - Cirurgia Geral
Cirurgião que já me conhecia de outras Cirurgias, viu os exames
e marcou finalmente a cirurgia para 12 de Agosto, podia ter sido
1 semana antes mas ele estava tranquilo e confiava que não fosse
nada de especial, era 1 polipo, dizia.

MAS NÃO ERA ASSIM, NÃO...


Finalmente dia 3/09, o resultado da análise que foi feita a 13/08
chegou às mãos do Cirurgião que me operou e que cada vez que
eu telefonava a saber desse resultado, dizia para estar calma
que não era nada, por isso muita calma, dizia ele.

CONCLUSÃO:
Adenocarcinoma endometrióide, grau 1
etc....

» » » » » » » » » »

Depois de pesquisar:

Cancro do Colo do Útero

A vacinação é importante.
Se és rapariga e nasceste em 1992, 1995 ou 1996
dirige-te ao teu Centro de Saúde para fazeres a vacina de prevenção
do Cancro do Colo do Útero.
I M P O R T A N T E


O que é o colo do útero?

O colo do útero é a parte inferior do útero, que liga o corpo do útero à vagina. O colo do útero passa por diversas alterações ao longo da vida da mulher (puberdade, parto, menopausa). A região onde a parte externa do colo do útero (exocolo do útero) encontra a parte interna (endocolo do útero), é muito sensível. É nesta região que começa a maior parte dos cancros do colo do útero.



Qual a causa do cancro do colo do útero?

Ao contrário de muitos outros cancros, a principal causa do cancro do colo do útero não é hereditária. De facto, a causa desta forma de cancro é sempre um vírus. Este vírus é o chamado Papilomavírus Humano que consegue transformar as células do colo uterino, provocando lesões, que em alguns casos progridem para lesões cancerosas.

Existem vários tipos de Papilomavírus Humano. A maioria são inofensivos, mas outros podem ser bastante perigosos para a saúde humana, como os que estão na origem do cancro do colo do útero.



Que relação existe entre o Papilomavírus Humano e o cancro do colo do útero?

Quando uma mulher é infectada por determinados tipos de Papilomavírus Humano e o seu organismo não consegue combater a infecção, podem desenvolver-se células anómalas no epitélio do colo do útero. Se estas células anómalas não forem detectadas numa fase prematura, podem evoluir para cancro. Na maior parte dos casos, este processo demora vários anos, mas em alguns casos pode ocorrer mais rapidamente.




Imagem: Evolução das alterações nas células do colo do útero

Qual a idade mais comum para a manifestação do cancro do colo do útero?

40% das mulheres com diagnóstico de cancro do colo do útero têm idades compreendidas entre os 35 e 54 anos. No entanto, muitas destas mulheres estiveram, provavelmente, expostas ao Papilomavírus Humano durante a sua adolescência e juventude (13-29 anos).

------------------------
MUITO MAIS em : http://cafedemanha.blogspot.com/

---------------------------------------

Nenhum comentário: