.


“Você é o que pensa. Você é o que procura. Você é o que faz”. Bob Richards

18 de mar de 2010

PAI "PEDAÇOS de TI"

Pedaços de Ti
(ao meu Pai em 19/03/2004)



Palavras, gestos, voltam à mente
trazidas pelos ventos da saudade
que ecoam no meu coração.

De repente, um perfume no ar,
entra na alma e faz-me sonhar.

Revejo-te na lembrança doce
da flor que te oferto
como antigamente.

Ficávas tão feliz!...
E de repente... sinto teu afagar.

E teu olhar tão doce
que 'inda agora mesmo
parece estar sorrindo.

Pedaços de ti...
Já somos muitos,
Os filhos, os netos,
os teus queridos.
Caminhando na vida emocionados,
relembrando memórias tão vividas
que o amor e o carinho dos teus braços
em mim, jamais serão esquecidas.

Manuela Silva Neves
Lisboa - PORTUGAL

Reservados Direitos de Autor

* Poema incluído na Antologia de Poesia e Prosa Poética Portuguesa Contemporânea - POIESIS Vol.XV
(Editorial Minerva)


IN: JARDINS de POESIA

------------------------------------

Um comentário:

Guida Linhares disse...

Belíssima homenagem, parabéns aos pais neste dia especial. Tem uma rosa esperando por vc no Jardim das Rosas. Uma semana primorosa. Abreijos, guida